terça-feira, 15 de maio de 2018

Artigo acadêmico relaciona iconoclastia criativa do cineasta Afonso Brazza e do artista transmídia Ciberpajé

Fotos de Afonso Brazza e do Ciberpajé



O artigo acadêmico "DESVELA-TE OU DEVORO-TE! – PROCESSOS CRIATIVOS ICONOCLASTAS EM CINEMA & QUADRINHOS", foi escrito pelo artista multimídia e doutorando em arte e cultura visual (FAV/UFG) Léo Pimentel Souto com a participação do Ciberpajé, e publicado no livro "Actas del I Seminario Internacional de Investigación en Arte y Cultura Visual - Dispositivos y Artefactos / Narrativas y Mediaciones" (ISBN 978-9974-0-1546-3), que teve como organizadores os doutores Fernando Miranda, Gonzalo Vicci e Melissa Ardanche. O seminário aconteceu na Universidade da República do Uruguai em 2017. A obra pode ser baixada integralmente aqui, ou clicando nas imagens desse post. O artigo pode ser lido nas páginas 521 a 527.

Confiram o resumo do artigo:

Este artigo é uma reflexão minha, um artista-pesquisador, sobre as idiossincrasias do processo criativo no mundo contemporâneo, seus embates entre expressão autoral e entretenimento, e sua recepção pelo público. Reflexão que se realiza mediante uma busca pela autenticidade tanto no ato de criar, de outros artistas, quanto no ato de fruir uma obra, o público. Autenticidade que não é algo exclusivo a aquilo que comumente se considera como Arte de alta cultura. Mas sim encontrada em meios expressivos considerados populares de mídia massiva: o Cinema e as Histórias em Quadrinhos. E para exemplificar tal encontro trago à luz dois grandes nomes nas áreas citadas, o cineasta Afonso Brazza e o artista transmídia, e também pesquisador, Edgar Franco, o Ciberpajé. Exemplos de criadores que trazem um riquíssimo contraste entre uma trajetória naïf e outra construída no meio acadêmico, mas que convergem e partilham de semelhante visão artística e criadora.

Primeira página do artigo


Capa da obra