quarta-feira, 9 de maio de 2018

Videoarte do Ciberpajé integrará Hiperorgânicos #8 - Simpósio Internacional de Pesquisa em Arte (UFRJ)


A obra de videoarte "CIBERPAJÉ - Aforismo II: Cura Cósmica" de autoria do Ciberpajé Edgar Franco foi selecionada pela curadoria do Hiperorgânicos #8 para integrar a mostra de vídeos do Cine Clube durante o Encontro de Arte e Astronomia no Museu de Astronomia  do Rio de Janeiro dentro da 8ª edição do evento sob o tema Ancestrofuturismo a ser realizado entre 22 e 23 de maio de 2018. 


A videoarte selecionada busca simular as percepções cósmicas de uma experiência com o enteógeno ayahuasca. A sensação fundamental foi a de unidade e profunda conexão com o todo. A simulação digital pauta-se na integração entre o som e a imagens em um todo orgânico. A animação foi completamente criada utilizando o software Space Engine, a música "Aforismo II: Cura Cósmica", do projeto musical Ciberpajé, foi desenvolvida utilizando um sintetizador analógico buscando as pulsações sonoras que envolveram a experiência de ENOC (estados não ordinários de consciência), ela conta com a participação especial do pai do Ciberpajé, Dimas Franco, recitando o aforismo no início. Sua participação envolveu uma forma ritualística de cura através da arte e um processo de reconexão profunda com seu filho. A videoarte tem duração de 3:53", e o aforismo recitado em seu início é: "O dogma aspira o amanhã, a transcendência explode no agora". O trabalho pode ser conferido nesse link.


Reconectar o passado e o futuro para repensar o presente por meio do diálogo e da experimentação artística. Essa é a premissa do Hiperorgânicos - Simpósio Internacional de Pesquisa em Arte, Hibridização, Biotelemática e Transculturalismo, que acontece de 22 a 27 de maio de 2018. Idealizado pelo Núcleo de Arte e Novos Organismos (NANO), o evento traz para a sua 8ª edição o tema Ancestrofuturismo, abordando a convergência estrutural entre dois domínios aparentemente contraditórios: ancestralidade e futuro.


A iniciativa visa promover debates, mesas redonda, comunicações, projeções de vídeos, performances e rodas de conversa no Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST), além de desenvolver processos artísticos, oficinas e ações performáticas no Laboratório Aberto do Museu do Amanhã (LAA).


As atividades do Simpósio têm o apoio do PPGAV/UFRJ - Programa de Pós Graduação em Artes Visuais, CAPES, CNPq, LAMCE - COPPE / UFRJ e Superintendência de - TIC / UFRJ.



Mini bio do Ciberpajé no site do evento